Sindicato denuncia condições precárias de escola da rede municipal de Mossoró

De acordo com o Sindiserpum, Escola Genildo Miranda, localizada na região de Alagoinha, encontra-se em situação de abandono.

Foto: Sindiserpum
Foto: Sindiserpum

A diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum) visitou na manhã desta quarta-feira, 21, a Escola Municipal Genildo Miranda, localizada na zona rural de Mossoró. De acordo com o Sindicato, a unidade encontra-se em situação de abandono.

"Banheiros sem portas nem descargas, despensa com teto na iminência de cair, salas de aula sem nenhuma condição de funcionamento e com relatos de choques elétricos quando chove, dentre outros problemas graves levaram professores e pais de alunos da comunidade Alagoinha a não iniciarem o ano letivo", informa o Sindiserpum.

O Sindicato denuncia ainda que a poucos metros de distância da Escola Genildo Miranda há uma outra unidade de ensino fechada, aguardando a conclusão de suas obras. Trata-se da Escola Verde.

Diante do cenário constatado, professores e pais dos alunos solicitaram ao Sindiserpum que intermediasse junto ao Corpo de Bombeiros de Mossoró uma inspeção no local.

A Prefeitura ainda não se manifestou sobre o assunto.

Com informações do Sindiserpum