“Mossoró Rural” terá investimento de mais de R$ 1 milhão

27/07/2021

Programa foi lançado nesta terça, 27, pelo prefeito Allyson Bezerra; iniciativa deve beneficiar cerca de 1,1 mil produtores rurais.

Foto: Maricelio Almeida
Foto: Maricelio Almeida

Da Secom/PMM

A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural (SEADRU), lançou nesta terça-feira, 27, o Programa Mossoró Rural, desenvolvido pela Secretaria de Agricultura em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Rio Grande do Norte (FUNCERN)

O programa estima contemplar aproximadamente 1.100 produtores rurais do município. O investimento é de mais de R$ 1 milhão de reais, de recursos da Prefeitura de Mossoró e do Sebrae.

"Mossoró Rural é um programa em que nós temos várias frentes de ações. Uma delas é a parte de consultoria técnica. Nós vamos dar assistência técnica de forma direta e indireta a cerca de mil agricultores. O produtor vai ter a oportunidade de ter um especialista na sua propriedade rural de forma mensal e a ter mais eficiência e melhor escoamento de seus produtos, vendendo com mais lucratividade", destacou o titular da SEADRU, Faviano Moreira.

"Já estamos em campo com o diagnóstico edático de Mossoró. Nós vamos realizar 180 coletas de solo aqui na cidade. Nós estamos fazendo um diagnóstico, o censo agropecuário, e aí vamos ter realmente uma noção do que tem na zona rural para que a gente possa incrementar uma política pública voltada de acordo com a realidade", completou.

O prefeito Allyson Bezerra destacou que o programa vai levar o que há de melhor em assistência técnica para o agricultor mossoroense vindo dos parceiros do Mossoró Rural.

"A Prefeitura de Mossoró está levando esse programa a assistência técnica para o homem do campo. Nós temos um povo trabalhador, aguerrido e nós temos toda a condição de viabilidade relacionada a qualidade do nosso solo, a qualidade do nosso agro, do nosso ambiente. Estava faltando a assistência técnica para o agricultor poder ampliar a sua produção, poder ampliar o seu serviço, poder ir para novas culturas. Com esse programa nós vamos estar levando o que há de melhor em assistência técnica, vindo do Sebrae, das universidades e da nossa secretaria".

"A gente quer aproveitar para implementar uma mentalidade de gestão para que o produtor se enxergue como um empreendedor e leve isso como negócio e a partir daí ele consiga ter melhores resultados. A gente quer ajudar esses empreendedores", ressaltou gerente do Sebrae, Paulo Miranda.

Os agricultores Francisco Alberto e Assis Amorim Machado comemoraram a iniciativa e disseram que o Mossoró Rural vai incentivar os produtores rurais a ampliar o horizonte e demais culturas.

"Eu sou criador de bode e estou querendo criar abelhas. A gente está vendo que está escasso o mel. Eu já criava um jandaíra e vou iniciar a abelha italiana. É muito bom a gente participar porque estamos vendo o desenvolvimento da zona rural e tendo o apoio fica melhor ainda. A gente tinha vontade de fazer, mas não tinha o apoio e agora nós vamos ter o apoio da Secretaria de Agricultura", disse Alberto que mora na comunidade de Melancias.

"Hoje eu vejo que o Município de Mossoró está voltado para o agricultor. Graças a Deus nós estamos observando que é de grande importância para o agricultor esse programa. Eu vejo como incentivo para melhoria e uma qualificação do agricultor e uma orientação para seguir o caminho melhor. Acredito que depois disso aqui nós vamos ter um aumento adequado aonde o agricultor vai ter o apoio do Município", frisou o agricultor Zuzinha, como é mais conhecido Assis Amorim, do Recanto da Esperança.