Ex-deputado Laíre Rosado é preso e levado para Cadeia Pública de Mossoró

Polícia Federal cumpriu mandado de prisão na manhã desta quinta, 22. Laíre, que é médico, realizava atendimento na UPA do Belo Horizonte.

Foto: Tribuna do Norte
Foto: Tribuna do Norte

Do Blog Saulo Vale

O ex-deputado federal e médico Laíre Rosado foi preso pela Polícia Federal do Rio Grande do Norte, na manhã desta quinta-feira (22), enquanto dava expediente na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Belo Horizonte, em Mossoró.

A detenção se deu em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela 7ª Vara da Justiça Federal de Mato Grosso que o condenou a 9 anos e 6 meses de reclusão em regime fechado.

Após passar por exame de corpo de delito na sede do Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP), unidade de Mossoró, o ex-deputado foi encaminhado para a Cadeia Pública de Mossoró onde Está à disposição da Justiça.

Entenda o caso

Laíre foi condenado, após ser acusado pelo Ministério Público Federal, em 2006, pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, no caso que ficou conhecido como "Máfia dos Sanguessugas".

Ele é acusado de participar de esquema que destinou cerca de R$ 110 milhões em emendas parlamentares a municípios, no período de 2000 a 2005, que lhe rendia de volta 10% em propina.