Ambulatório da Ufersa começa a funcionar com atendimento voltado às mulheres

Equipe do curso de Medicina priorizará casos que não fazem parte da rotina das UBSs, como atender pacientes com pré-natal de alto risco e inserção de DIU.

Foto: Assecom Ufersa
Foto: Assecom Ufersa

Da Assecom/Ufersa

A partir desta quinta, 08 de março, Dia Internacional da Mulher, a Ufersa inicia as atividades ambulatoriais do curso de Medicina, em Mossoró, com foco às mulheres. Os atendimentos serão feitos em duas salas para receber as pacientes que serão encaminhadas pelas Unidades Básicas de Saúde da Zona Leste de Mossoró.

Neste primeiro momento, serão oferecidos atendimentos de ginecologia e obstetrícia. A equipe irá priorizar os casos que não fazem parte da rotina das Unidades Básicas, como por exemplo, atender mulheres com pré-natal de alto risco e inserção de DIU. As consultas serão disponibilizadas todas as quintas-feiras para uma média de 20 mulheres.

A equipe médica ambulatorial da Ufersa reforça que os atendimentos se darão mediante encaminhamento das Unidades Básicas de Saúde. Nesse caso, as mulheres terão que buscar inicialmente atendimento nas UBS, preencher uma ficha de referência e passar por um processo de regulação para ser encaminhada para o ambulatório do curso de Medicina da Ufersa. "Além dessas, os ambulatórios também irão realizar testes rápidos de HIV, Sífilis e Hepatites B e C", esclareceu Graciella Jales, Vice-Coordenadora do Laboratório de Habilidades e Comunicação/Ambulatório.

As atividades ambulatoriais marcam uma nova fase do curso de Medicina da Ufersa. Agora os alunos começam a fazer os procedimentos médicos sendo supervisionados pelos professores. "As expectativas são muito boas. Agora teremos a oportunidade de colocar em prática essa relação interpessoal entre médico e paciente. As atividades ambulatoriais estão sendo muito aguardadas por toda turma", falou a estudante do 4º período, Fernanda Lemos dos Santos.

Os ambulatórios da Ginecologia e Obstetrícia serão os primeiros a funcionar, mas a equipe do curso já anunciou que ainda este ano outros ambulatórios serão abertos na Ufersa, dessa vez, nas áreas da pediatria e da clínica médica.